Comentários à parte 1

Um bom conquistador o é por experiência, e portanto, torna-se escravo do próprio poder, comparável à jovem que descobre o poder da própria beleza. Ambos merecem a felicidade, mas quem dança com os tais, precisa assumir o risco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s