Expressões faciais

Abaixo desta tempestade viva e misteriosa que carrego em meu crânio, desaguam, como torrente impetuosa, as expressões do meu rosto: perspicácia, benevolência ou desgosto, gritam silenciosamente o que emana do centro, do núcleo pulsante que é fonte plácida, a cada momento marcando o tempo que falta para o encontro com a eternidade, mantendo vida para a outra vida, livre continuidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s